Porque Miam os gatos?

 


Os gatos podem miar excessivamente por inúmeras razões, desde situações fisiológicas normais, alterações comportamentais ou mesmo problemas de saúde.

É de extrema importância estar atento para determinar a causa que leva a este comportamento e poder intervir convenientemente:

-Chamada de atenção: apesar de serem bastante independentes, os gatos não gostam de passar muito tempo sozinhos. Muitas vezes miam insistentemente com o intuito de interagir com os donos e ter a sua atenção. É muito importante despender de algumas horas diárias para mimar o seu gato com jogos e brincadeiras. Um gato cansado é um gato mais calmo.

-Solidão: se o seu gato passa muitas horas por dia sozinho, é fundamental proporcionar-lhe um bom enriquecimento ambiental. Deve colocar à sua disposição vários brinquedos, prateleiras para onde possa subir, um arranhador e zonas mais recatadas onde se possa refugiar. Sempre que possível, permita-lhe a observação do exterior (mas sempre em segurança!).

-Stress: a introdução de um novo animal, a chegada de um bebé, uma mudança de casa e quaisquer outras alterações à rotina do seu gato podem fazer com que ele comece a vocalizar mais. Existem várias formas de o ajudar a ultrapassar essas situações. Informe-se connosco para que possamos encontrar a que melhor se adapta ao seu gato.

-Cio: quando estão em cio, as fêmeas miam insistentemente para chamar os machos. Embora seja um comportamento normal, pode tornar-se bastante desagradável. Para prevenir esta situação e evitar patologias reprodutivas no futuro, aconselhamos a esterilização da sua gata a partir dos 6 meses!

-Envelhecimento: tal como os humanos, também os gatos podem apresentar desorientação e disfunção cognitiva à medida que envelhecem, o que os pode levar a miar em excesso. Se o seu gato tem mais de 7 anos, faça connosco o seu check-up semestral para o diagnóstico precoce desta e de outras patologias.

-Doenças: há várias condições clínicas que podem causar dor, fome ou sede. Qualquer uma destas situações pode levar a um aumento das vocalizações do seu gato. É importante não desvalorizar este comportamento, uma vez que pode indiciar situações graves!

Se acha que o seu gato mia excessivamente, não hesite, fale connosco!